top of page

Posso dar uma vitamina para meu filho?


Existem muitos suplementos vitamínicos no mercado, mas nem sempre há uma necessidade real de suplementação para os bebês saudáveis.

A única vitamina que quase sempre recomenda-se suplementar nos primeiros anos de vida é a vitamina D, que é utilizada para favorecer o desenvolvimento dos ossos e o fechamento da moleira.

No entanto, a suplementação deve ser feita sempre com cautela e com uma orientação médica.

Qual a dose certa de suplementação?

Da primeira semana de vida ao primeiro aniversário, recomendamos que os bebês tomem 400 Ul de vitamina D todos os dias. A dose aumenta para 600 Ul do primeiro ao segundo ano de vida.

Antes de qualquer suplementação, consulte com o seu pediatra para que ele lhe recomende a dose adequada ou indique se 

o seu bebê realmente precisa dela ou não. 

Essas doses precisam ser seguidas à risca, uma vez que o excesso de vitamina D pode causar problemas nos rins devido ao depósito de cálcio.

Outra maneira de garantir que o seu bebê esteja recebendo vitamina D, mesmo que em menor proporção, é através dos alimentos. 

As fórmulas lácteas por exemplo, são incrementadas com o nutriente. Após a introdução alimentar, o salmão e outros derivados de carne podem ser utilizados para garantir a vitamina.

Vale lembrar também que o sol é uma grande fonte de vitamina D. No entanto, é preciso ter muita cautela ao expor seu bebê ao sol. 

Evite os horários entre às 10h e 16h, período em que há maior concentração dos raios prejudiciais à pele. 

Também procure ficar no sol com seu bebê por curtos períodos de tempo. Isso irá garantir a absorção da vitamina e evitar problemas de excesso de exposição.


Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page