top of page

COMO PREVENIR GRIPES E RESFRIADOS

Depois do período mais quente do ano, entramos no outono. Com a mudança de temperatura, começam a aparecer com maior frequência as doenças respiratórias, que irão ter seu auge de prevalência no inverno. As crianças são especialmente afetadas e é preciso ter cuidado redobrado com bebês pequenos, recém-nascidos e prematuros. Infelizmente ainda é alta a taxa de internação hospitalares por doenças respiratórias e de óbitos em decorrências destas em crianças menores de cinco anos.

Para evitar que seu bebê faça parte desta triste estatística, vamos dar dicas de prevenção para ele ficar longe destas doenças.


A) DICAS DE PREVENÇÃO PARA O BEBÊ


• Manter o calendário de vacinação em dia. • Não permitir que pessoas com doenças respiratórias se aproximem do bebê. Se estiverem no mesmo ambiente é recomendado que usem máscaras respiratórias comuns (vendidas em farmácia) e procurem ficar a no mínimo 1 metro de distância. • Evite sair de casa com o bebê para lugares com aglomeração de pessoas. • Mantenha o bebê bem nutrido e hidratado. Bebês abaixo de 6 meses em amamentação exclusiva só necessitam do leite materno, que além de hidratar e nutrir, protege de inúmeras doenças. • Acima de 6 meses é importante oferecer água aos bebês e crianças e manter uma dieta saudável, rica em legumes, verduras e frutas. Uma boa alimentação auxilia na manutenção da saúde • No caso de estar resfriado ou gripado, não levar a creche ou escola. Manter o bebê em casa em repouso é importante para ele se recuperar e também não transmitir vírus a outras crianças

É importante que toda a família se cuide para não se contaminar e evitar transmitir qualquer doença respiratória aos bebês e crianças, especialmente os menores de dois anos de idade, que por ainda terem suas defesas imunológicas mais frágeis e a capacidade respiratória baixa, são propensos a problemas respiratórios severos.


B) DICAS DE PREVENÇÃO PARA TODA FAMÍLIA


• Manter alimentação saudável e a ingestão de bastante água • Manter a casa e principalmente o quarto das crianças limpos e arejados. Evitar objetos que acumulam pó. • Não permita que fumem dentro de sua casa, pois a fumaça irrita as vias respiratórias. • Lavar as mãos com frequência. • Utilizar lenço descartável para higiene nasal. • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir. • Lavar a mão após espirrar ou tossir • Não partilhar objetos de uso pessoal, como escova de dentes, alimentos, toalhas, etc • Evitar tocar os olhos, nariz e boca. • Reduzir a presença em ambientes com aglomerações e evitar visitas a hospitais


Grande Abraço, Dr. Marcelo Saldanha Pediatra



Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page